Conhecida como “a cidade que mais cresce no Brasil”, a Praia Grande é a terceira mais populosa do litoral paulista, porém, durante a alta temporada, chega a receber mais de 1 milhão e meio de pessoas, o que representa 5 vezes mais que seu número de habitantes fixos. Isso faz dela o 2º lugar turístico mais procurado do estado de São Paulo, e o 4º de todo o Brasil durante o verão.

Devido ao seu elevado grau de desenvolvimento e ótima infraestrutura, a Praia Grande é a mais promissora de toda a região da Baixada Santista, com muitos moradores da capital e do interior se mudando para lá em busca de uma vida mais tranquila e confortável, perto da praia.

Hotéis próximos

Como chegar na Praia Grande?

Por ser uma cidade muito desenvolvida e historicamente frequentada por turistas, o acesso à Praia Grande é bastante fácil. Para quem vem de São Paulo, basta pegar a Rodovia dos Imigrantes até quase final. A viagem tem pouco mais de 70km e a estrada é de primeira qualidade, ampla e segura. O problema fica só no valor do pedágio, que passa dos R$20.

Se você já está no litoral paulista, o acesso é ainda mais fácil. Saindo do Guarujá, a viagem tem pouco mais de 50km, podendo ser realizada também através de uma balsa. De Santos, são apenas 15km de viagem.

A viagem de ônibus também é muito fácil e conveniente, com dezenas de empresas diferentes realizando o trajeto saindo de São Paulo e das principais cidades do interior do estado.

Onde ficar na Praia Grande?

O nome “Praia Grande” é autoexplicativo e bastante apropriado: a cidade tem 23Km de orla e 48 bairros espalhados por todo seu território, sendo 10 deles à beira-mar. Portanto, “onde ficar na Praia Grande” se torna uma questão bastante complexa, e a resposta só pode ser uma: depende do que você espera para a sua viagem!

Separamos então alguns dos principais bairros turísticos e interessantes da cidade, um para cada tipo de turista. A Praia Grande acolhe todo mundo, e por isso mesmo atrai tanta gente.

Boqueirão – O bairro mais badalado

Com o calçadão super limpo e organizado por toda sua extensão, é perceptível que o Boqueirão se trata de um dos bairros mais famosos e badalados da cidade, principalmente à noite, com uma concentração de pessoas muito maior que as outras regiões. Além de todos os supermercados e estabelecimentos comerciais encontrados por ali, aqui o turista conta também com vários quiosques e barracas que alugam guarda-sóis e cadeiras de praia e servem comida e bebida. A areia firme e compacta atrai muita gente para praticar esportes por aqui, além de muitas famílias com filhos também preferirem o Boqueirão devido ao playground que fica montado ao ar livre.

Praia da Guilhermina – A mais nobre

Situada logo antes da praia da Aviação, a Praia da Guilhermina é, depois da sua vizinha Boqueirão, a segunda região mais badalada e procurada pelos turistas na Praia Grande. Com muitos comércios, supermercados e lojas de roupas, o bairro também está repleto de prédios residenciais, hotéis e restaurantes. Na Praça Portugal, o turista encontra uma feirinha de artesanato e uma praça de alimentação. Por estar sempre muito cheia e receber menos atenção da administração pública, o ponto negativo da Praia da Guilhermina fica por conta da poluição e sujeira acumulada em determinadas partes da faixa de areia, o que é sempre algo lamentável de se ver.

Praia do Canto do Forte – A mais sossegada

Situada no final do território da cidade, no “canto” do continente temos a Praia do Canto do Forte. Ali também fica uma vila militar, e com o passar dos anos tem se tornado uma região cada vez mais valorizada. Seja por conta da presença dos militares ou devido ao elitismo das construções e empreendimentos do local, o fato é que a praia do Canto do Forte é muito mais vazia e sossegada que as demais praias da Praia Grande, sendo uma opção perfeita para aqueles que buscam passar um tempo mais sossegado, longe de aglomerações. Aqui, turistas e locais também encontram uma academia pública de uso livre para que se exercitem à beira-mar.

Praia da Aviação – Para quem curte emoção

O bairro da Aviação recebe esse nome devido à presença do Aero Club, muito importante na história da aviação brasileira e, portanto, na vida da cidade. Se encontra aberto até hoje e disponível para passeios turísticos para ver a Praia Grande lá do alto. Além dessa emoção para gente grande, o bairro também abriga um parquinho de diversões para divertir os pequenos. A praia da Aviação oferece uma das melhores infraestruturas da cidade, com salva-vidas de plantão, muitas barracas e quiosques, além de mercados e comércios por perto para quem queira economizar ao máximo.

Praia de Solemar – Isolada de todas

Repleta de lindos jardins floridos, a orla da Praia Solemar já demonstra o quão charmoso é esse bairro. Isolada de todas as praias da cidade, Solemar tem vista para a Serra do Mar e é uma das regiões mais limpas e vazias da Praia Grande. Termina sendo um lugar muito turístico e completamente pacato fora de temporada, já que a maioria das casas da região são casas de veraneio. O ponto negativo fica por conta das ondas mais altas e agitadas, que tornam o banho de mar um pouco perigoso dependendo do dia. Para os surfistas, porém, este seria um ponto positivo, sendo este o melhor local da cidade para a prática do esporte.

O que fazer na Praia Grande?

A Praia Grande está cheia de coisas interessantes para se fazer, e existem muitas formas gostosas de se aproveitar um dia por lá. Em uma cidade desse tamanho, com tanta diversidade e tanta gente a passeio, não poderia ser diferente.

Ciclovia e calçadão

A avenida beira-mar é a principal rota da cidade, por onde turistas, locais, trabalhadores e gente de todo o tipo transita durante as 24 horas do dia. Durante a temporada, mesmo tarde da noite e madrugada adentro, grupos de amigos e famílias se reúnem nos bancos do calçadão para tocar violão, cantar, festejar, ouvir música e se divertir de frente para a praia. Para os esportistas, uma ciclovia se estende por toda a orla da cidade.

Pistas de skate e esportes radicais

A cidade conta com seis pistas de skate, nos bairros de Samambaia, Quietude, Ocian, Boqueirão e Esmeralda. Todas abertas ao público e sempre cheias de esportistas praticando não apenas skate, como também patins, patinete e bicicleta.

Acessibilidade para cadeirantes

Na orla da Praia da Gulhermina, ao lado do quiosque 22, a prefeitura da Praia Grande disponibiliza para cadeirantes e pessoas de mobilidade reduzida um equipamento para que eles possam tomar banho de mar de forma independente e segura, com cadeiras anfíbias projetadas especificamente para esse fim. Qualquer um tem acesso ao equipamento e o local está aberto durante os finais de semana e feriados, das 9h às 17h.

Natureza e ecoturismo na Praia Grande

Se engana quem pensa que a Praia Grande é só prédio e praia. A cidade está cheia de opções para os turistas e ecoturistas mais exigentes, que buscam contatos próximos e genuínos com a natureza. Separamos aqui algumas das principais opções:

Forte de Itaipu

Apesar de ser um forte em operação até hoje, o local é mantido e conhecido muito mais como um museu e monumento histórico do que como uma base militar em si. Lá, são oferecidas visitas guiadas pelo território do forte, que abrange uma grande área de preservação ambiental. A vista de cima é absolutamente incrível e, sem dúvidas, é a principal atração do local. O valor fica em meros R$5 por pessoa, sendo que menores de seis anos e maiores de sessenta são isentos de pagar qualquer taxa.

Portinho, quase na divisa com São Vicente

Conhecida como Portinho, a área de lazer Ézio Dall-Acqua é um local público mantido pela prefeitura da Praia Grande e que atrai centenas de pessoas todos os dias. O local conta com 32 quiosques com churrasqueiras, diversas mesas de piquenique, além de quadras de esporte e centros culturais. O acesso ao local é fácil tanto de carro como de transporte público.

Cachoeira do Laranjal:

Localizada na Base Guariúma, na região sul da cidade de Praia Grande, a trilha para a Cachoeira do Laranjal tem aproximadamente 2 quilômetros de extensão e demanda em torno de 3 horas de caminhada. No final da trilha, além da deliciosa cachoeira para se banhar, o turista também encontra uma vista incrível para contemplar.

Parque Estadual Xixová-Japuí:

Mais longa que a de Guariúma, a trilha percorrida no passeio oferecido pelo Parque Estadual Xixová-Japuí dura pelo menos 6 horas, começando às 9 da manhã, com retorno marcado para as 15h. São cobrados R$85 por pessoa, com o valor incluindo um café com bolo feito por moradores locais e o guia de turismo.

Bares e restaurantes da região

Quem busca uma comida caiçara típica de qualidade, sofisticada e bem servida, o Caiçara Pier é uma opção excelente. O restaurante fica na região do canto do forte, sendo também um refúgio agradável e tranquilo em meio à atmosfera de cidade grande.

Para aqueles que buscam uma cozinha italiana tradicional, para comer aquela deliciosa pizza ou uma massa bem feita, existe a Cantina Villa Di Pasta Situada no badalado bairro do Boqueirão, esta é uma das casas de comida italiana mais conhecidas da cidade.

Já se você prefere uma cozinha contemporânea, com elementos da cozinha brasileira local integrando influências estrangeiras e opções vegetarianas, o Bistrô112 é a pedida! Ele fica no Boqueirão, super bem localizado, e funciona somente na hora do jantar.

Reveja

  • Beleza
    (2)
  • Limpeza
    (2)
  • Localização
    (5)
3

Resumo

Por ser uma das praias de mais fácil acesso e melhor infraestrutura urbana do estado de São Paulo, a Praia Grande é também um dos locais mais turísticos de todo o Brasil, recebendo mais de 1 milhão e meio de turistas durante a alta temporada. É justamente isso que também faz com que seja uma cidade com alguns lugares não muito limpos, apesar de também contar com os seus encantos e belezas naturais.

Pros

  • Acesso super fácil
  • Infraestrutura excelente
  • Outras praias da baixada santista ficam muito próximas a ela

Cons

  • Por atrair muitos turistas, a praia costuma ficar muito cheia em alta
  • A urbanização e a quantidade de turistas na praia fazem com que algumas regiões sejam sujas e até impróprias para o banho de mar
Sending
User Review
4 (1 vote)
Comments Rating 0 (0 reviews)

Perguntas frequentes

A Praia Grande é uma praia limpa?

Comparando com outras praias do litoral de São Paulo e levando em conta o nível de urbanização e desenvolvimento da cidade, as águas e a faixa de areia da Praia Grande não são tão limpas, principalmente durante a alta temporada. Isso não significa que a praia não seja própria para banho, sendo sempre importante consultar as informações sobre balneabilidade da praia oferecidas pelas autoridades. Durante os meses mais tranquilos do ano, a praia costuma se manter limpa.

Posso me sentir seguro na Praia Grande?

Como toda cidade grande, em determinados bairros e regiões existe um certo perigo de furtos e assaltos, mas isso não acontece nas áreas mais centrais e turísticas. Toda a orla da praia e o calçadão são patrulhados com frequência pela polícia, principalmente em períodos de maior movimento na cidade, com o turista podendo circular tranquilamente até mesmo tarde da noite.

Qual a melhor época para visitar Praia Grande?

Quem busca tranquilidade, praia limpa e pouco trânsito, o ideal é frequentar a Praia Grande entre os meses de abril e outubro. Entretanto, a alta temporada também agrada muita gente que gosta de lugares cheios, festas e shows, como acontece durante a celebração do ano novo, muito tradicional na cidade.

Avaliação

(3)

Mapa

Previsão do tempo

Praia Grande
24°
Clear
06:3017:48 -03
Feels like: 24°C
Wind: 8km/h NNE
Humidity: 73%
Pressure: 1010.84mbar
UV index: 0
FriSatSun
min 22°C
25/21°C
23/20°C

Etiquetas

Compartilhe esta página

Últimas postagens

Os Melhores Restaurantes em Arraial do Cabo

Restaurantes em Arraial do cabo com melhores avaliações no TripAdvisor. Astral Beach Food Japonesa Americana Havaiana Saudável Opções vegetarianas Rua Carlos Gomes, 19 | Esquina com a Av. Liberdade, Arraial do Cabo, +55 22 [...]

Arraial do Cabo, Rio de Janeiro

Sabe aqueles cenários de filme que você acha que nem sequer estão ao seu alcance? Paisagens com cores vibrantes, incontáveis tons de azul se espalhando entre o céu e o mar, areias branquinhas que [...]