Praia do Sono

Situada na Vila de Trindade, no estado do Rio de Janeiro, a Praia do Sono é um cantinho escondido do paraíso ainda dentro dos limites do município de Paraty. Paraty, por sua vez, é uma cidade muito conhecida por suas belezas e pela cultura da literatura e da música respiradas diuturnamente por suas ruazinhas apertadas. A Praia do Sono, por sua vez, fica afastada do Centro e das praias principais, e é um espetáculo à parte!

Confira em nosso guia completo alguns dos motivos que tornam a Praia do Sono um lugar tão mágico: Por que visitar a Praia do Sono?

A Praia do Sono é um recanto de paz e sossego durante quase o ano inteiro, e é um lugar perfeito para aproveitar um final de semana ou alguns dias off para recarregar as baterias da vida corrida do cotidiano das grandes cidades.

Alguns motivos que levam os turistas à Praia do Sono são:

  • Apreciar um cantinho quase intocado do litoral fluminense, com praias selvagens, trilhas de Mata Atlântica nativa, fauna e flora muito bem conservados e a exuberância do mar de Paraty;
  • Aventurar-se em trilhas e praias pouco exploradas, com caminhadas de vários quilômetros em meio à Mata Atlântica;
  • Curtir uns dias a dois, numa barraca ou num chalezinho alugado num clima romântico;
  • Curtir uns dias em família ou com os amigos, aproveitando o clima de festa e descontração do vilarejo para celebrar a vida de dia e de noite;

Passar o ano novo em uma das mais tradicionais festas de réveillon do Rio de Janeiro, com fogueiras enormes e uma “festa de arromba”!

Melhor época para conhecer a Praia do Sono

Conforme já adiantamos na seção anterior, o réveillon é emblemático na Praia do Sono, e acaba sendo a única época do ano em que o local fica realmente mais cheio de turistas. Ainda assim, é uma das festas de ano novo mais tradicionais de todas, e muito esperada pela maioria dos frequentadores. O pessoal diz que quem passa um ano novo na Praia do Sono, nunca mais vê graça em nenhuma outra festa de final de ano! Apesar de cheio nessa época, ainda assim é menos cheio dos que as maiores praias cariocas, que ficam lotadas de gente durante o ano novo.

Portanto, na hora de pensar na melhor época para viajar à Praia do Sono, tenha em mente que a temporada de ano novo (final de dezembro e início de janeiro) é extremamente concorrida e com a praia bastante cheia. Chega a acontecer com frequência, inclusive, de acabar a luz e a água do vilarejo por algumas horas antes da meia-noite.

Fora o ano novo, todos os meses são bastante parecidos na Praia do Sono devido à sua localização tropical privilegiada. O clima costuma ser bastante generoso com os turistas, e são poucos os dias de chuva durante o ano, porém, estes dias são bastante imprevisíveis, e mesmo a previsão do tempo pode não dar conta de dizer se vai ou não chover no próximo final de semana.

Como chegar na Praia do Sono

A impressão que temos ao viajar para a Praia do Sono é que estamos a centenas de quilômetros de Paraty, tamanha a sensação de paz e isolamento. Mas são apenas 27 quilômetros que separam a Praia do Sono do centrinho do município, sendo o local parte da Reserva Ecológica Estadual da Joatinga.

Portanto, para chegar à Praia do Sono o turista precisa, antes de mais nada, chegar à cidade de Paraty. Paraty está a 240km da cidade do Rio de Janeiro, sendo facilmente acessível por estradas e rodovias em ótimo estado. Após chegar a Paraty, você deve sair em direção a trindade, tendo como destino final em seu GPS o condomínio Laranjeiras. Isso porque os acessos à Praia do Sono estão dentro deste condomínio, um dos mais caros e famosos do país.

Chegando lá, você tem duas formas de acesso: o acesso de barco e o acesso por trilha. Em ambos os casos, você deve estacionar seu carro dentro do condomínio, para então seguir para o embarque no cais do condomínio ou seguir adiante pela trilha. O preço do estacionamento do condomínio costuma estar na casa dos 20 reais por dia, e o tempo de viagem entre Paraty e o condomínio leva de 30 a 40 minutos.

Também existem ônibus que saem de Paraty e de Trindade em direção ao condomínio, e você pode fazer isso num trajeto de aproximadamente 50 minutos que custa 5 reais. É uma ótima opção para viajantes que não têm carro ou mesmo para aqueles que queiram economizar ao máximo em sua viagem.

Como chegar na Praia do Sono de barco

O trajeto de barco é muito rápido e prático. Em 15 minutos você chega na beira da Praia do Sono, numa viagem tranquila que pode ser feita todos os dias das 8h às 18h, ou até as 19h nas semanas mais agitadas do ano. O problema aqui é que o turista deve gastar de 35 a 40 reais por cada trecho de barco, sendo este preço cobrado por pessoa. Ou seja, uma família de 5 pessoas pode chegar a ter que pagar R$200 por cada trecho de ida e volta. Mas calma, você pode ir de trilha!

Como chegar na Praia do Sono por trilha

A trilha costuma ser temida apenas pelos turistas que nunca chegaram à Praia do Sono por ela. Com 3 quilômetros de distância e um percurso que pode demorar até 1 hora e meia para ser concluído, muita gente tem receio de não conseguir concluir esta trilha a pé, e por isso acaba optando pela viagem de barco. Sem falar na bagagem que deve ser carregada do começo ao fim. Mas para quem já fez o trajeto de trilha, mesmo com malas e bagagens, a opinião é quase unânime: é mais legal ir de trilha, e nem cansa tanto assim! É claro que durante dias de chuva, o quadro muda um pouco, portanto, seja sensato acima de tudo.

O que fazer na Praia do Sono

A Praia do Sono é um verdadeiro ponto de encontro de viajantes de todo o Brasil e de muitas partes do mundo, a maioria deles buscando passar um tempo descansando em meio a um local paradisíaco como é o Sono. Por isso mesmo, muita gente acaba indo pro Sono e optando por não fazer absolutamente nada. Ou seja, pegar um sol na praia o dia inteiro, enquanto toma umas cervejas e curte o visual. Nada mais justo!

Mas se você é do tipo de turista que curte mesmo é conhecer tudo que pode conhecer do local para onde está indo, saiba que a Praia do Sono guarda vários pontos de interesse turístico que você pode – e deve – conhecer um por um!

Faça a trilha das praias de Antigos e Antiguinhos

Além da trilha do condomínio Laranjeiras até a Praia do Sono, a qual recomendamos que você faça pelo menos uma vez para conhecer, também existem outras trilhas que saem da Praia do Sono e vão até destinos super conhecidos.

Os primeiros deles são as praias de Antigos e Antiguinhos. Como os nomes denotam, se trata de duas praias vizinhas, sendo quase uma réplica da outra em tamanhos diferentes. Basta 30 minutos de caminhada saindo da ponta da Praia do Sono para chegar até a Praia de Antigos. Fora de temporada, esta já é uma praia deserta, mas se você quer ir ainda mais longe, ande mais um pouco e conheça Antiguinhos.

Faça a trilha da praia de Ponta Negra

A praia de Ponta negra fica ainda depois das praias de Antigos e Antiguinhos. Sim, a Praia de Ponta Negra seria a última praia acessível através desta mesma trilha, e a trilha até ela tem uma duração total de 1 hora e meia aproximadamente. Se a fome bater e você não quiser voltar todo o caminho a pé, pode pegar carona numa lancha por uns 30 reais por pessoa na volta.

Conheça as cachoeiras das Galhetas e do Saco Bravo

A cachoeira das Galhetas está no meio do caminho entre as praias de Antigos e Ponta Negra. Saindo de Antigos, você anda aproximadamente meia-hora para chegar até esta cachoeira, num caminho bem sinalizado com placas, direcionamentos e avisos de segurança. Depois de Galhetas, você pode lacrar todas as trilhas da Praia do Sono indo até a Cachoeira do Saco Bravo. Essa aqui já é uma trilha de moderada a difícil, principalmente por sua longa duração: depois de chegar a Ponta Negra, o turista ainda tem que andar mais 2 hora e meia, o que dá um total de mais de 4 horas de trilha.

Cachoeira do Jacaré para os menos dispostos

A apenas 20 minutos de caminhada da Praia do Sono, você encontra a cachoeira do Jacaré. Sempre cheia de turistas e com uma divertida formação rochosa que permite que todos confraternizem sentados ao longo de seu percurso, a cachoeira do Jacaré é a preferida de quem quer curar a ressaca nas águas geladas mais próximas do Sono.

Curta uma tarde de sol lendo na praia

O silêncio, a brisa do mar e a atmosfera paradisíaca do sono favorecem a concentração e a paz de espírito para colocar suas leituras em dia. Não à toa a maioria dos stories que vemos na Praia do Sono são compostos por trechos de livros ou fotos de pessoas lendo seus títulos favoritos enquanto tomam um sol e aproveitam o cenário mais do que belo da Praia do Sono.

Curiosidade: O ano novo da Praia do Sono

A festa de ano novo da Praia do Sono é uma verdadeira catarse coletiva que acontece na época em que a praia fica mais cheia de turistas. Como a Praia do Sono tem uma longa extensão e campings e opções de hospedagem existem ao longo de toda a praia, mesmo na semana do ano novo, com a praia em sua lotação máxima, o clima ainda é tranquilo e nada caótico. Você consegue lugar para dormir e espaço na areia sem nenhum problema, sendo o único inconveniente o fato de que os serviços de água e luz costumam ser sobrecarregados ao ponto de faltar água e/ou energia durante algumas horas no dia da virada.

A virada de ano novo da Praia do Sono é muito característica por uma coisa em específico: as fogueiras enormes que são construídas na praia durante os dias que precedem a festividade da virada do ano. Logo após a meia-noite, as fogueiras começam a ser acendidas, e a diversão do pessoal é então correr em volta das fogueiras, gritando e pulando de forma catártica, expurgando todos os males do ano que passou e atraindo as melhores energias possíveis para o ano que entra.
Se você está curioso para saber como é essa festividade das fogueiras no ano novo da Praia do Sono, não deixe de acessar o youtube e procurar por vídeos retratando esta genial festa popular do litoral fluminense.

Bares e Restaurantes por perto

A Praia do Sono não é um dos lugares com melhor infraestrutura, sendo na verdade um vilarejo de pescadores onde todos os serviços são fornecidos com certa dificuldade, já que o acesso ao Sono é feito apenas por trilha ou por barco. De qualquer forma, separamos os estabelecimentos mais famosos e frequentados do Sono para apresentá-los a vocês:

Villa Caiçara

Trata-se de uma barraquinha super aconchegante e gostosa na beira da Praia do Sono. Com um restaurante modesto, porém, bem estruturado, o Villa Caiçara tem como principal especialidade os frutos do mar, como era de se esperar, utilizando produtos que acabaram de ser pescados por pescadores locais. Também lidam com carnes, frangos e massas, além de oferecerem porções inesquecíveis para se comer com uma caipirinha ao lado.

Mareante Bar

Situado num ponto de referência da praia do Sono, em frente à escola Martins de Sá, o Mareante Bar é por si só um ponto de encontro entre a rapazeada nativa do Sono. O local é sede de shows de forró e outros estilos musicais, além de oferecer um serviço de primeira qualidade, com refeições leves e saborosas, frutos do mar fresquinhos e um clima super alto astral empreendido pelos garçons, cozinheiros e todos que trabalham no local.

Mãe d’Água Pousada Camping e Restaurante

O Mãe d’Água parece até cenário de filme. Trata-se de um dos locais mais charmosos da Praia do Sono que oferecem serviço de restaurante. Eles também têm um bar com drinques muito bons e criativos, sem falar nos pratos requintados e oferecidos a um preço super acessível sendo um dos melhores locais em termo de custo-benefício da Praia do Sono.

Hotéis e Campings na Praia do Sono

A Praia do Sono basicamente não tem nenhum hotel de fato. Temos algumas pousadas, algumas casas para se alugar para temporada, mas o que realmente mais encontramos por aqui são Campings. Variando entre alguns locais mais modestos sem muitos serviços e outros campings super sofisticados, veja algumas das opções mais famosas do Sono:

Flora Camping & Hostel

O Camping e Hostel da Flora é administrado por uma argentina bastante simpática e que oferece um alto nível de infraestrutura, com o preço da diária ficando um pouco acima do que os campings mais acessíveis cobram. A vantagem é que você tem cozinha completa compartilhada, banheiros para tomar banho e fazer suas necessidades, e um local mais afastado da beira da praia, o que garante a você uma noite feliz de sono mesmo durante o ano novo, quando a praia está cheia.

Camping e Chalé do Claudinho

Este lugar é um dos mais bem reputados, já que o Claudinho é mesmo um cara super simpático, solícito, e que oferece o melhor atendimento que o turista que vai ao Sono pode querer. Sempre ajudando com conselhos de viagem e deixando os turistas que se hospedam lá super à vontade, esta hospedagem é o retrato do que esperar na Praia do Sono: muita gentileza por parte da população local.

Camping Lá em Casa

Um dos mais procurados e conhecidos por ter o preço lá embaixo e contar com um dos maiores terrenos com muita área livre da areia sendo parte deste camping. O serviço é bastante atencioso e agradável, mas a infraestrutura do camping no geral pode deixar um pouco a desejar.

Hora atual
Hora atual: 12:00, Sep 20, 2022
Temperatura do ar
Temperatura do ar: 17°C
Precipitação
Precipitação: 0
Temperatura da água
Temperatura da água: 22.4°C
Altura da onda
Altura da onda: 1.88 m

Avaliação

  • Beleza
    (5)
  • Limpeza
    (5)
  • Localização
    (4)
4.7

Resumo

A Praia do Sono saiu direto de um filme de paraísos perdidos e praias maravilhosas para a realidade do litoral fluminense, a poucos quilômetros de Paraty, no caminho para a Vila de Trindade. A Praia do Sono pode ser acessada somente por trilha ou por barco, o que dá a ela um encanto único, um status de refúgio de todo o agito e a conturbação do dia-a-dia, sendo o local preferido de muita gente para passar alguns dias descansando.

Inclusive, a Praia do Sono é tão querida por seus frequentadores, que muita gente que mora em Paraty ou em Trindade vai para o Sono num bate-volta. Isso mesmo, as pessoas pegam a trilha para ir e para voltar somente para passar o dia na Praia do Sono, de tão mágica que é sua atmosfera. Além disso, muitas opções de passeios e atrações turísticas são garantidas por lá: as praias de Antigos e Antiguinhos são ótimos exemplos disso.

Portanto, se você quer passar um ano novo mágico ou apenas curtir um final de semana isolado de tudo e todos em meio a uma praia paradisíaca rodeada de Mata Atlântica nativa, a Praia do Sono é a praia dos seus sonhos!

Pros

  • Situada em região de preservação ambiental, com Mata Atlântica nativa em suas trilhas, encostas e arredores;
  • Local isolado, porém, bastante grande e espaçoso, onde mesmo no auge de sua lotação, as pessoas têm espaço para curtir sem aglomeração;
  • Festa de ano novo conhecida como uma das mais tradicionais do país, com fogueiras gigantes e muita festa!

Cons

  • Acessível apenas por trilha ou por barco, sendo que a travessia custa relativamente caro;
  • Durante o final do ano, os turistas que buscam sossego absoluto devem fugir do Sono, já que a praia fica bastante cheia e as noites são de festa.
revisão do usuário
0 (0 votos)
Avaliação de comentários 0 (0 Avaliações)

Perguntas frequentes

O que fazer na Praia do Sono?

A Praia do Sono pode ser apreciada em sua plenitude mesmo que você decida não fazer nada. A atmosfera de ser um local paradisíaco em meio a uma área de preservação do litoral do Rio de Janeiro já torna ela sendo maravilhosa por si só. Mas mesmo assim, você pode praticar esportes, fazer trilhas, conhecer as praias de Antigos, Antiguinhos e da Ponta Negra e visitar algumas cachoeiras. O que não falta é coisa para fazer por lá!

Como chegar na Praia do Sono?

Antes de tudo, para chegar à Praia do Sono você precisa ir até Paraty, que fica a aproximadamente 250 quilômetros da cidade do Rio de Janeiro. Em Paraty, siga em direção a Trindade, e procure pelo condomínio Laranjeiras. As entradas da Praia do Sono (seja por barco ou por trilha) estão dentro do condomínio, e se você está de carro deverá estacioná-lo lá dentro pagando R$20 por dia.

É tranquilo acessar a Praia do Sono por trilha?

É uma trilha longa e um pouco desafiadora, mas bastante tranquila para quem não tem problemas de locomoção e consegue andar por uma ou duas horas sem ter um infarto. Brincadeiras à parte, ela é considerada uma trilha de dificuldade fácil, porém moderada por conta de sua duração de 3 quilômetros, podendo ser concluída com de 45 minutos a 1 hora e meia de caminhada, dependendo do ritmo.

Avaliação

(4.7)

Mapa

Clima tempo

Etiquetas

Compartilhe esta página

Últimas postagens

  • 2551

Fascinantes fatos sobre Praias Fluviais

Sabia que existem diferentes tipos de praias? A maioria das pessoas pensam no oceano quando ouve a palavra "praia", mas também há praias fluviais! Neste post, irá saber o que a de interessante, curiosidades, cuidados [...]

  • 1083
  • Garota de Ipanema

Garota de Ipanema

Histórias e origens da música que encanta o Brasil e o mundo há mais de 60 anos Se você pudesse chutar qual a música brasileira mais conhecida no mundo e uma das cinco músicas mais [...]

  • 607

Os Melhores Restaurantes em Arraial do Cabo

Restaurantes em Arraial do cabo com melhores avaliações no TripAdvisor. Astral Beach Food Japonesa Americana Havaiana Saudável Opções vegetarianas Rua Carlos Gomes, 19 | Esquina com a Av. Liberdade, Arraial do Cabo, +55 22 [...]

  • 605

Arraial do Cabo Pontos Turisticos

Gruta Azul Situa-se na parte oeste da Ilha de Cabo Frio / do Farol, tendo como extremos a Ponta do Focinho e a Ponta do Boqueirão. Sua abertura tem 3 m de largura, com [...]